Sobre pesos e prisões

o que cansa mais que a rotina senão a tristeza?
o que exausta mais que as obrigações senão o peso que se carrega sem obrigação?
a vida é leve meu bem... leve-a como uma dádiva sem incorrer no erro de trazer para si algemas que nunca foram tuas, não abaixe a cabeça, não se submeta, não se prenda, se martirize, não deixe que te enquadrem, ouça menos, faça mais.
Arrisque mais a arrepender-se mais e se arrependerá menos porque todo o risco é válido, porque tudo é menos complicado do que parece, é menos pesado do que parece... desmistifique, sonhe, cante, dance... dance mal, dance bem... só dance.
Vá até onde ninguém foi. Seja o que ninguém um dia foi...
o que você nunca foi.


10/06/15

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre ser o teu amanhã perfeito, hoje.

Sobre resgate

E ai, qual vai ser?