Perfume

Meu travesseiro guardou teu cheiro.
Inebriado, permante, sonolento,
de boa memória, ele sabe te trazer até mim.
Te tragou quando esteves aqui, sem pedir permissão, só pra que agora eu possa te sentir e me lembrar de ti, mesmo que não tenha havido esquecimento.
P.s.: Cuidado, ele tem dessas e pode fazer de novo, só pro meu
prazer.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre ser o teu amanhã perfeito, hoje.

Sobre resgate

E ai, qual vai ser?